O Projeto

O Enquadramento

O paradigma da competitividade empresarial mudou. O cenário de uma conjuntura económica cada vez mais globalizada, exige uma rápida reconversão da base que rege a competitividade, que deverá passar essencialmente pela I&D e Inovação.

Os principais desafios passam essencialmente:
- Pelo maior recurso à aposta nos fatores imateriais de competitividade para as empresas se tornarem mais competitivas no mercado global;
- Pelo Fomento da inovação e da competitividade das empresas;
- Pelo aumento da qualificação dos seus recursos humanos.
Para colaborar na resposta a estes desafios e visando o objetivo de promoção de uma cultura de inovação, internacionalização e empreendedorismo, como fonte essencial da competitividade empresarial na Região, envolvendo diretamente as empresas no processo, a Nersant está a dinamizar o projeto INOVRIBATEJO.
Neste Projeto por um lado desafiamos as Empresas a dar conta dos desafios, constrangimentos, e necessidades que enfrentam e por outro convidamos as ESCT a dar a conhecer as suas competências e a colocá-las ao serviço das empresas. Esperamos assim contribuir para que possam surgir vários casos de encontro entre necessidades e competências, nascendo processos colaborativos de geração de soluções e ideias inovadoras.

Assim, são Objetivos deste projeto:
- Definir e promover uma estratégia concreta, em termos de Inovação, junto das empresas da Região, com o intuito de promover os seus níveis de inovação e de competitividade;
- Identificar requisitos tecnológicos das empresas e promover a capacidade de endogeneização do conhecimento e de incorporação de tecnologia pelas empresas através de processos de transferência de conhecimento e tecnologia;
- Identificar os problemas e constrangimentos existentes no tecido empresarial;
- Mobilizar as empresas e as Entidades do Sistema Cientifico e Tecnológico (ESCT) para a execução colaborativa de atividades de inovação e I&DT, através da criação e da dinamização de ações específicas, potenciando a colaboração ampla;
- Criar mecanismos em parceria com as ESCT que permitam estreitar as relações entre elas, as empresas e os novos empreendedores.