HMU (Head Motion Unit)

IPT

Interface homem-máquina baseada em movimentos de cabeça para condução de cadeira de rodas elétrica. A interface HMU é um comando alternativo para condução de cadeiras de rodas, que consiste na deteção de movimentos de cabeça. Os movimentos são detetados através de sensores inerciais, o que pode trazer várias vantagens em relação aos sistemas de comando de cabeça existentes, os quais são baseados em sensores de proximidade. Esta interface destina-se especialmente a pessoas com limitações motoras acentuadas, incapazes de controlar dispositivos de comando convencionais. Facilidade de movimento autónomo; Capacidade de adaptação a qualquer tipo de movimento que a pessoa possua e em qualquer posição; Pré-gravação de movimentos específicos; Filtração de movimentos involuntários. Comparada com os sistemas de comando de cabeça existentes, baseados em sensores de proximidade, a interface HMU possui como principais vantagens a possibilidade de se adaptar a qualquer tipo de movimento que a pessoa possua e em qualquer posição. Para além disso, podem ser pré-gravados movimentos específicos e podem ser filtrados movimentos involuntários. Os aspectos mais inovadores são a deteção de movimentos de cabeça, com capacidade de ajuste às limitações específicas do utilizador (por exemplo, definição da amplitude de movimento, mudança de referencial, definição de padrões de movimento, filtro de movimentos involuntários). MERCADO ALVO: Empresas de desenvolvimento ou comercialização de produtos de apoio para pessoas com limitações motoras, incapazes de usar dispositivos de comando convencionais, tais como manípulos; Instituições de Saúde e reabilitação.

Pretendo saber mais sobre esta tecnologia: