Esporos bacterianos como probiótico em soluções integradas de aquacultura

INSTITUTO DE TECNOLOGIA QUÍMICA E BIOLÓGICA; UNIVERSIDADE NOVA DE LISBOA; SEA4US

Nova solução para controlar a infeção nos peixes, evitando o uso de antibióticos. Envolve uma caracterização do microbioma de espécies de peixes de interesse comercial, uma comparação entre os peixes selvagens e dos seus semelhantes aquaculturais, isolação das bactérias de esporos endógenos, e ainda estudar a atividade dessas bactérias antagonizando os patógenos de peixes específicos. A solução inclui a reintrodução de esporos de aquicultura e testes para controlo de doenças, pureza da água e/ou a taxa de conversão de alimentos melhorada, permitindo simplificar a sua produção, formulação e armazenamento.

Pretendo saber mais sobre esta tecnologia: